Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Gesto, Olhar e Sorriso

Palavras que têm vida.

* Dar que pensar: O verdadeiro conceito de amor...

O amor é isto mesmo. Mesmo sem papel, prometer e cumprir estar-se ao lado de quem se ama, até ao fim. Não desistir e lutar a cada dia.
Não abandonar alguém porque dói olhar ao sentir que não se é a mesma pessoa depois da doença/acidente, mas sim acreditar e amar-se no seu todo, antes e após a dor em nós acontecer.
Porque os milagres acontecem a quem faz uso da sua fé, do seu amor, não pedindo nada em troca senão apenas mais amor.
Chris Medina sabe que a sua vida pode ser um milagre porque acredita  e conhece o amor na sua essência, aquele que dura e que cuida e por isso não teme o seu futuro, sabe que a sua história foi o que o destino decidiu não ser de mais ninguém, porque Deus sabe quem são as almas fortes que conhecem a verdadeira razão do amor.
Toda a vez que escrevo sobre esta história de amor, emociona-me saber que há pessoas puras e fortes, que ainda glorificam o verdadeiro sentimento que nos une, neste mundo que tanta gente parece desvalorizar tudo o que sente num segundo.

Não dá que pensar?


 

* Filmes com história: A Paixão de Shakespeare

1378477_159861157554451_761252488_n.jpg

 

Um poeta é sempre um sofredor. No entanto, precisa de amar, amar perdidamente como se o pudesse fazer para sempre, afastando-se da crueldade do mundo, mas sofre... Entrega sua alma ao sofrimento que virá mas ama sem limites, como se pudesse oferecer seu coração à vida para morrer por amor.
A sede de viver pede mais e mais, pois ele tem a certeza, mais que ninguém, como o seu silêncio dará lugar às palavras mais belas e que os gestos falarão por si.
Não importa o que o mata por dentro, pois o prazer da sua paixão é infinito, o poeta luta sempre contra a morte com o desejo de seu amor viver eterno, mas há sempre algo que os distingue, que os afasta, num lugar sombrio e distante, o sofrimento que é parte da história, a tragédia...
William amou assim, como se a diferente e a distância não os afastasse e as noites fossem os dias em que o prazer libertava tudo aquilo que queriam expressar: que o amor vence, por minutos, por segundos, na magia eterna da memória.
Num tempo em que as mulheres eram escravas do homem e do seu reino, e a sua presença na arte era crime, Shakespeare destacou-se, e com ele, Viola, mulher amada, que fez consigo, sua arte crescer.

"A paixão de Shakespeare", a essência do teatro, do drama, a realidade de uma verdadeira obra-prima. Um filme lindíssimo.

 

Fonte da imagem: http://foxmovies.canais-fox.pt/

Estendal da vida

1422636_168711193336114_1089179126_n.jpg

 

Os erros do passado foram postos a secar para que deles se retirasse apenas a água da vida e a sua nascente: o crescimento.
O passado foi passado a ferro, engomando em memórias, guardado numa gaveta a sete chaves!
O passado não passa disso, um tempo passado que foi escrito e apagado, apenas o bom queremos guardar, tal e qual como as roupas que gostamos, que guardamos e que estão na lembrança do que somos, coisas que já não nos servem, porque crescemos ou porque mudámos!
Há outras que ficam gastas, que não queremos e que damos a quem queira receber, lembramo-nos delas, mas como algo que nos fez crescer ou acreditar que algo mais belo pudesse aparecer para vestirmos na vida
Apenas as peças mais queridas ficam no nosso corpo, caminhando connosco, sentindo aquilo que somos, vivendo aqui, em nós.

 

(Fotografia da minha autoria)

* Simplicidades da vida: Adormecer em teus braços

1959242_245139982359901_4249086499350490223_n.jpg

 

 

 

 

Abraça-me, aquece-me, que tenho frio. Pudesse eu não sair de dentro dos lençóis e da colcha em que me deito e te abraço.
Pudesse eu não ir a lugar algum e ficar assim nos teus braços esquecendo que o mundo e os problemas lá fora existem.
Trocava tudo por mais um minuto em que me deito e adormeço nos teus braços, porque dormir ao lado de alguém significa proteção e confiança. É o que sinto neste lugar em que me aconchego.

 

 

 

 

Fonte da imagem: Tumblr 

* Inspirações: Vidas Ligadas

 

 

 

Não tenhas medo da vida e agarra-te a ela. Prende-te e aprende, contigo e com os outros, com os laços que crias, porque estamos todos no mesmo barco e ligados à vida, pois para todos há dias em que o mundo faz ferida, mas temos de viver à mesma, como se fossemos heróis, porque de fracos não reza a história.
Quem faz história são aqueles que, independentemente de todos os dias de chuva ou mau agoiro, continuam intactos e firmes a si e aos outros, porque a vida existe para isso mesmo: ser vivida, entre sofrimento e bons momentos.
O que fere, um dia mais tarde torna-se em gargalhada, tudo passa, porque tudo faz parte. A vida é bela, mas prepara-te para a luta, porque ela não é fácil, mas se o fosse, não teria a mínima piada. Por isso agarra-te e vive o que há para viver, sente e bebe do que te dá prazer, todos os dias, vingando a morte, em nome da vida!

* Ficção: Sem chão

hitfix com.jpg

 

 

Ambos ficaram abandonados, sem chão.
Separaram-se quando a chama da paixão ainda falava por si, mas o tempo não estava certo e apenas ficou a dor, a esperança e também a lembrança de momentos que ninguém lhes tira, o bom e o mau, que um dia poderão voltar, se o destino concordar.
Em cada um vive a memória do que foi e a alegria de terem desejado alguém como se deseja a vida, sobre tudo o que ainda haja para viver.
Todo o sentimento ainda persiste. Ela ainda toma conta do seu coração como outrora. A ela, ele não lhe sai do pensamento, com a vontade de querer voltar à história que os eternizou, que ficou para e por contar, sem saber que isso é também um jeito de se amar.

 

 

 Fonte da imagem: hitfix.com

 

* Filmes com história: Intouchables

 

imgkid com.jpg

 

 

Uma história emocionante, divertida e que nos faz, sem dúvida, fazer pensar sobre quando olhamos, pensamos pelos outros e os julgamos

Na verdade, nem sempre aqueles que julgamos incapazes são aqueles que realmente o são, muito pelo contrário, podem se mostrar os melhores amigos e as melhores pessoas.
Não podemos ver uma pessoa apenas pelo seu exterior, passado, seus defeitos ou incapacidades porque cada um é cada um, diferente de todos os outros, com a mesma dignidade e saber, com qualidades e defeitos, que são fundamentais e importantes no seu todo.
O que fez Driss diferente de todos os outros foi isso mesmo, não ver Philippe (tetraplégico) pela sua incapacidade, mas sim como um homem comum, interessante e amigo. E o mesmo aconteceu com Philippe que pouco quis saber do passado de Driss, mas sim do quão importante ele sempre fora para si.
E, da mais improvável das amizades, nasce uma, verdadeira, que é para toda a vida!

 

 

 

 

 

 

 

Fonte da imagem: Imgkid.com

Eu sabia.

8.jpg

 

 

 

Eu sabia que o destino tinha-me guardado para ser do teu coração. A certeza das minhas palavras, sei tão bem são a nossa alma e quando te olho nos olhos o meu sorriso tem um brilho que nunca conheceu, de que vale a pena levantar para um novo dia, carregado de amor e experiências para alcançar a felicidade, o que sei, faremos juntos, a nossa vida inteira, não importa mais nada, eu tenho sonhos, em mim, em ti, em nós.

 

 

 

 

 

Fonte da imagem: Tumblr

 

Tag: De tudo um pouco

Hoje é segunda-feira, dia de... TAG! 
Pois bem, fui marcada por Nossas Voltas, Catarina e Camellia (desde já obrigada!!!) para responder ao tag "De tudo um pouco". 

18326105_ZzOjN.jpeg

 

Regras do desafio:

- Responder às 11 perguntas;

- Indicar 11 blogs para responder à tag;

- Colocar o selo da Tag;

- Colocar o link de quem te indicou.

 

Qual o seu estilo de música preferido

 Sinceramente, de música com qualidade! Não tenho grandes preferências, tenho um gosto bastante variado. Adoro música, ponto! :)

 

Que peça de roupa é a sua preferida do momento?

 Adoro vestidos e macacões.

 

Qual dos seus vernizes são mais divos?

 Gostos das cores mais vivas! 

 

Shorts ou saia, e porquê?

Shorts, claro, raramente uso saia!

 

Cabelo liso ou encaracolado?

 Ambos! 

 

Salto ou Sapatilha?

Sapatilha, muito mais confortável e mais a minha onda!

 

Brigadeiro ou sorvete?

 Brigadeiro! :)

 

Doce ou Salgado?

Depende do momento, gosto de ambos.

 

Como você define seu estilo?

 Simples e feminina. Serve? :p

  

Você é do tipo de mulher consumista ou só compra o básico?

Sou bastante poupada, só compro algo caro, quando ando a namorá-lo durante muito tempo.

 

Você se considera vaidosa? 

 Toda a mulher, de certa forma, o é. Eu sou, confesso!

 

Passo o desafio a:

  1. Girl About Time
  2. News From Universe
  3. Filipa
  4. O meu poema
  5. Uma mulher com sorte
  6. Sandra
  7. Khaleesi
  8. Miss Ana
  9. Andreia Morais
  10. O meu maior sonho
  11. Duas mulheres e meia

 

* Dar que pensar: Só de mim.

"Dar que pensar" será a nova rubrica, de domingo. Como o próprio nome indica, fará refletir sobre imensos aspetos, sobre o conceito de amor, de perda, de estereótipos, preconceitos e tantos outros assuntos com que todos os dias nos deparamos e que por vezes nem damos conta, já que a vida corre tão depressa.
Hoje inicio a rúbrica com um vídeo muito conhecido sobre o amor: "Só de mim".

 

Tenho dito que o amor é quem nos conhece melhor e nós nem damos por isso, é ele que nos conhece na sua essência e sem ele somos um poço vazio. Amamos tanto e tão intensamente que nem damos conta quão importante ele é e é quando termina que damos conta que de nós não demos tudo e que podíamos ter dado mais. 
Não esperes que ela parta com as lágrimas nos olhos ou que sorria por outro alguém, para perceber que a conhecias melhor que ninguém, para entenderes o porquê do seu jeito frio ao acordar e para desejares de novo tudo aquilo que tiveste nessas horas em que não entendias ser amor de verdade.
Não esperes perdê-la para entender cada canto do seu rosto ou do seu mau feitio, ou de tudo aquilo que mais amavas nela, no seu mais íntimo de si, na sua simplicidade.
Simplesmente, diz-lhe que não vives sem ela, e nunca esperes ficar sem ela, para dizer ao mundo o quanto a amas. Para dizer ao mundo, que hoje, desejavas voltar atrás e poder ter lido o futuro, enquanto não aproveitaste o presente.
Por isso, te digo, aproveita e sente.

Pág. 1/4

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Outros lugares

Blogues à Mesa
3XQY_12a3qPlDRIcVpKJSt0ZO-QUA-vmBk3L3bSl7jI.png