Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Gesto, Olhar e Sorriso

Palavras que têm vida.

05
Mar16

3 filmes com Bradley Cooper

Carolina Cruz

Acho que não é novidade, ou para alguns seja, que Bradley Cooper é um dos meus atores favoritos, por isso deixo aqui três filmes com o mesmo, que vos aconselho a ver:

Aloha

rogerebert com p.jpg

 

“Aloha” é um filme que aborda o amor e como ele nos torna tão lutadores e nos absorve no poder do perdão.
No início pode não ser um filme que nos apegue mas no seu decorrer desejamos que não termine tão cedo porque o suspense e os segredos a pouco e pouco desvendados dão a este filme uma perspetiva mais interessante.
Até onde vamos pelo amor? Até quando esse amor fará parte de nós? Porquê?
O amor faz-nos atuar de forma impensável mas por vezes faz todo o sentido que o façamos e que demos valor.
Vejam e formem a vossa opinião!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Sniper Americano

“Sniper Americano” embora não tenha ganho a maioria dos óscares a que foi nomeado em 2015 (apenas venceu o óscar de “melhor edição de som”), é um filme que merece as nomeações feitas. O papel intrigante de Bradley Cooper, na pele de Chris Kyle, merece uma atenção redobrada pois é em torno dele que o filme se desenrola.

sniperamericano-poster.jpgBaseado numa história verídica, o filme descreve a vida do “Sniper Americano” mais conhecido como “Lenda” por salvar tantas vidas, por lutar sem cessar pelo seu país (EUA) no Iraque.
Casado e com dois filhos é nos abraços do seu lar, depois de atravessar uma depressão pós-traumática, que percebe que a melhor batalha que pode ter é a educação dos seus filhos e o amor dos três, que com ele formam a família perfeita.
No entanto a vida e o filme surpreendem-nos. 

Vale a pena ver, pois faz-nos refletir sobre aquilo pelo qual devemos lutar, mais ou menos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Pegando fogo

8.jpg

 

Mentiria se dissesse que este filme não me atraiu imediatamente pelo trailer, logo eu que sou uma apaixonada pela cozinha e por experimentar coisas novas.
É um filme simples, diferente, um bom filme para um domingo entre as mantinhas.
É uma verdade comer bem é um prazer, saber fazer boa comida é uma arte e maior verdade é que quando somos dotados em algo o mundo a nossa volta inveja-nos, odeia-nos e ao invés ama-nos, precisa de nós.
É exatamente isto que acontece com Adam, um chef conceituado em Paris, que dois após cair no álcool e nas drogas destruindo tudo, volta para provar que não foi esquecido e que o seu dom não esmorece.
Será que conseguirá ele fazer frente a todos aqueles que o querem ver no chão?

“Pegando fogo” incendeia-nos de suspense e adrenalina, inspirando-nos com belas imagens e sabores.

 

 

9 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Parcerias

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D