Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Gesto, Olhar e Sorriso

Palavras que têm vida.

As asas que me fazem voar (12)

tumblr_static_tumblr_static_casal-fofo-tumblr.jpg

 

Era uma dor insuportável, uma dor que nunca sentira por mais ninguém. Por mais que tentasse, não conseguia fazer nada de jeito no estágio e mesmo antes que as candidaturas fechassem decidi partir, escolher um novo rumo e Paris foi a escolha. Queria-me libertar de tudo, de tudo o que deixei em Bragança. Em Portugal, mais concretamente.
Porém, quando tinha a certeza que não nos iriamos reencontrar neste lado da Europa, eu voltei a encontra-lo.
Porquê? Porquê ali?
Várias semanas tinham passado, um mês e tal talvez.
É claro que ainda não o tinha esquecido, mas o ritmo que levava não me deixava, pelo menos, chorar ou que a mágoa tomasse conta de mim. E quando eu julgava que tudo podia mudar comigo, ele tinha deixado uma série de concertos, uma agenda preenchida, para se justificar presentemente à minha pessoa.
Porque é que ele insistia em mudar a minha opinião? Ou seria ele que tinha mudado?
Os seus olhos pestanejavam constantemente, as suas mãos suavam e tremiam. Ele estava ali para contar a sua versão da história. Depois de tudo o que sofri, estaria eu disposta a ouvi-lo? O meu coração disse que sim!

(continua...)
 
 
 
 
 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Outros lugares

Blogues à Mesa
3XQY_12a3qPlDRIcVpKJSt0ZO-QUA-vmBk3L3bSl7jI.png