Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Gesto, Olhar e Sorriso

Palavras que têm vida.

Canta-se a saudade

16.jpg

 

No meu olhar canta-se a saudade, de um tempo que ainda não vivi, não sei se existe essa nostalgia, mas a saudade amarra-me no desejo de te ver em ti, num abraço.
Em mim mora o tempo, na saudade de um futuro que um dia possamos viver de novo, quando voltares, desta vez não te vou deixar partir sem me levares no teu coração como um escudo que te liga a mim sempre que vais.
Deixa que a saudade seja o tempo que em nós virá, deixa-te levar no olhar do tempo que é tudo aquilo que, um dia, podemos ser, faz já de hoje, esse dia.

12 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Outros lugares

Blogues à Mesa
3XQY_12a3qPlDRIcVpKJSt0ZO-QUA-vmBk3L3bSl7jI.png