Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Gesto, Olhar e Sorriso

Palavras que têm vida.

13
Dez15

É assim que olho a vida

Carolina Cruz

28.jpg

 

Eu sou de choro fácil e de sorriso verdadeiro, se não o for não vale a pena, se não o for, algo então me feriu e não tomei os meus sentimentos como necessários.
Não se chama falta de educação ou insensatez, nem por isso. Eu chamo-lhe de maturidade. 
A maturidade que existe em mim é um tanto de menina mulher que sou, é algo que me faz arriscar o desconhecido e enfrentar o que de melhor tem a vida, vivendo um dia de cada vez.
Enfrentar o desejo de amor eterno também é sofrer, é acreditar que os nossos sonhos têm uma forma de se fazer sentir, mas também chegamos lá tropeçando e melhor que tudo, levantando-nos para um novo dia. 
É assim que olho a vida, sempre como um novo dia, cheio de novas experiências, sentimentos e ânsia de querer viver mais, com um sorriso, aprendendo com o mau, contentando com que há de melhor!

10 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D