Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Gesto, Olhar e Sorriso

Palavras que têm vida.

15
Abr15

[Ficção] Parte incerta

Carolina Cruz

veronikadecidestodie01.jpg

 

Tu não entendes… a forma como me sinto. Tu és um furacão, aquela em que rodopiei numa dança e da qual não quero mais sair.
Tu não compreendes que estás a querer pôr termo a algo que não tem fim, não sejas assim tão cruel, não dês cabo deste coração que te ama além de tudo, de todos os defeitos que tantos te apontam, até mesmo quando te achas tão senhora do teu nariz.
Como ficará tudo aquilo que somos, quando partires? Deixar-me-ás inquieto sem saber o que fazer da minha vida, sem saber sequer porque é que depois de me fazeres sofrer, ainda te querer em mim.
Ainda dizem que homens como eu não sofrem, acham que não, porque ainda não encontraram a mulher certa, não aquela que fique para sempre, mas aquela que faz doer o coração por ser tão ambígua, tão fria e tão meiga ao mesmo tempo, mas eu sei que isso não é ter alguém mas isso não significa que não se ame, é assim que me sinto, como um pássaro preso numa gaiola que não quer mais sair, que não tem por onde ir.
Não percebes que amanhã não haverá os teus cabelos loiros pousados sob o meu peito, nem sequer o teu mau humor matinal recebido com um beijo meu e um sorriso matreiro, amanhã não haverá um nós, já hoje não existiu, na verdade talvez nunca tenha existido, o que tivemos foi apenas uma boa miragem, um sonho que partiu, contigo… e eu irei voar para parte incerta.

 

Fonte da imagem: http://appraisingpages.com/

 

 

4 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Parcerias

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D