Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Gesto, Olhar e Sorriso

Palavras que têm vida.

18
Mai16

Ventos alimentam marés.

Carolina Cruz

10.jpg 

Ponho em prática sonhos meus que nem o sol nem a lua me impedem de realizar.
O agitar das ondas do mar é brando, vai virando, mudando conforme a maré, limpa brizas que traiçoeiramente esperam que anoiteça.
Meus sonhos não se elevam como uma doce pedra que voa ao vento. Pedaços meus de sonho são rochedos que se libertam da fúria do mar e que não deixam que jamais alguém os destrua.
São fortes, quebram o silêncio num sussurro mas marcam a diferença.
Enchem-me a vida de cor e sentem o sorriso nos lábios na frescura salgada do mar.
Ventos alimentam marés, como sonhos me alimentam a vida, lutarei até chegar a mim, combatendo todas essas forças, com fé, tão perto do futuro, tão longe do fim.

6 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Parcerias

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D