Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Gesto, Olhar e Sorriso

Palavras que têm vida.

13
Set17

[Ficção] Obrigada

Carolina Cruz

tumblr_lim28xgpJv1qefvv1o1_500_large.jpg

 

Como eu tenho orgulho por te ter escolhido.
O meu marido, o pai dos meus filhos.
Meu bem, convosco sinto que não preciso de mais nada, basta ver-te a olhá-los.
A tua simplicidade torna tudo mais fácil.
Eu sou grata por seres assim, por veres nas pequenas coisas a tua maior felicidade.
Contigo, a nossa vida é um lugar feito de sorrisos, de brincadeiras, de um tão completo e doce amor.
Eles amam-te e eu amo-os por te amar e amo-te por eles te amarem tanto.
Obrigada por seres o pai mais feliz e mais companheiro do mundo.
Uma história ao deitar, cócegas ao acordar, milhares de mimos para nos dar.
És o que qualquer mulher sonha na sua vida.
Somos uma família que não é perfeita, mas que é bonita, por dentro e por fora.
Somos o que sempre sonhei, somos um sonho feliz.
Dizem que devemos agradecer antes que seja tarde demais, por isso…
Obrigada por lutares todos os dias por nós, por nos abraçares, por acreditares que estaremos sempre lá para ti, como tu estarás para nós.
Obrigada.

04
Jan17

[Ficção] Ela é... minha!

Carolina Cruz

FB_IMG_1459207702592.jpg

 

Ela é maravilhosa, extrovertida, adorada pelos outros, desejada quiçá por tantos, sei-o, mas não a condeno por isso.
Ela é minha namorada. Se tenho ciúmes? Claro, é sinal que me importo, que a amo de verdade.
No entanto não a prendo nesses ciúmes, não a forço a mudar, nem quero... Eu gosto dela assim.
Tenho sim orgulho de ser eu a dormir a seu lado, de a agarrar e beijar. É no meu ombro que ela chora sempre que precisa, é no meu abraço que ela partilha a maior felicidade, o seu sorriso mais feliz.
É por isso que não abuso dos ciúmes que possa ter, porque se ela me escolhe é porque me quer. Estamos completos nessa certeza de que o seu coração só a mim me pertence.
Não duvido, entrego-me, rendo-me, a ela, ao amor.

 

15
Out16

Primeiros momentos

Carolina Cruz

16.jpg

 

Sou apaixonada pelos primeiros momentos, aqueles que nos deixam instintivamente mais felizes, a primeira troca de olhares, a primeira palavra dita, o assunto prolongado, o primeiro beijo, o prazer sentido e abraçado.
Eu sou a favor dos sentimentos intensos, aqueles que dão arrepios no coração e calor no corpo.
Sou apaixonada pelas sensações mais sinceras, as formas mais especiais de se ser feliz, as sensações que nos queimam o peito de alegria e nos enchem de orgulho.
Eu amo os momentos onde queremos demorar, permanecer para sempre, como se não conhecêssemos o que virá, mas recordando que o desejo é seguir com a corrente, por isso me apaixono todos os dias por ti, amo-te com a mesma intensidade que foi no princípio, esperando que seja até ao fim do nosso fim.

 

[fotografia do filme "Before sunrise"]

16
Jun16

Amo-te

Carolina Cruz

103.jpg

 

Amo-te desde o dia em que os teus olhos me tocaram, desde o momento em que os teus braços me protegeram, amei-te desde o dia em que percebi que a teu lado me sentia em paz.
Olho nos teus olhos e vejo como eles brilham, com doçura. Sei, no teu olhar, as tuas palavras são sinceras e os sentimentos que elas traduzem é um amor puro, sem senões ou mentiras, ao olhá-los eu sinto-me a pérola mais radioso e isso enche-me de orgulho. Pois contigo sinto que o mundo sorri, que em parte é melhor e mais bonito. 
A teu lado não há maldade, sinto que tudo o que temos e vivemos é de coração, é seguro de ser para a vida e só isso me enche de vaidade.

 

Foto: Filme "The vow"

17
Mai16

Não importa.

Carolina Cruz

72.jpg

 

Não importa onde estou, se estiver contigo. 
Não importa para onde vou, se fores comigo, nesta chama que me guia sem me queimar.
Deito-me no teu peito e de lá não quero sair, sorrio e tu vês no meu olhar, que conheces melhor que ninguém, que o seu brilho é a expressão da felicidade e do orgulho de estares comigo e de não quereres mais ninguém ocupando o meu lugar no teu coração. 
Porque o que tu e eu temos, meu amor, será sempre, uma eterna paixão.

 

Créditos da foto: Filme "the vow"

03
Abr16

És quem eu quero

Carolina Cruz

21.jpg

 

Sinto-me perdida, capaz de te dar um forte abraço e partir no segundo seguinte.
Não, não tenho forças para continuar, sou fraca demais para aguentar a pressão repentina que despertou em mim, sou um fardo e nós, uma história que na incerteza, parece não ter fim.
Não, de negar, não, de não avançar, não, de não lutar mais, não de não arriscar mais, para quê voltar? Para que com tanta ou quanta certeza te perder no tempo? Somos dois raios de sol que perderam a luz, duas marionetas que perderam os fios e um rio que simplesmente deixou de correr.
Ao invés, não me interessa, não quero ser feliz ao lado de mais ninguém, não vou arriscar de novo o amor para sair mais uma vez vencida! Amor? Para mim é algo que morreu, não há marcas do passado na minha roupa, mas...ainda sinto o teu cheiro em mim...
Devia ter vergonha de chorar, devia ter vergonha de sentir, no entanto, não tenho.
Tenho sim orgulho de, independentemente de tudo, te conhecer melhor que ninguém e de te amar por esse teu lado escuro. Não dá, não dá para esquecer que mesmo morrendo por dentro, ainda sinto que és quem eu quero.

29
Jan16

[Simplicidades da vida] De mão dada.

Carolina Cruz

7.jpg

 

 

 

 

Dá-me a mão e então eu tenho tudo. 
Sinto-me protegida e capaz de vencer todas as batalhas se te der a mão. Sinto orgulho em ter-te comigo a meu lado e caminho mesmo sem ter destino. Não importa para onde vou desde que esteja contigo porque és e sou, o melhor e, nada mais importa. 
Dou-te a mão, dando a mão ao mundo, com um sorriso.

 

 

Photo Tumblr

10
Dez15

Parte um do outro

Carolina Cruz

26.jpg

 

 

Esqueço o meu coração para amar o teu, gosto de mim mas gosto mais da outra parte que te pertence, que é minha, feita daquilo que somos.
Beijo a tua mão, respeito o que a vida nos dá, acreditando sempre que nos dará ainda mais, no segredo escrito para só nós contarmos, para só nós sabermos.
O meu coração pertence ao teu, à luz dos teus olhos e o teu ao brilhar dos meus.
Seremos sempre parte um do outro, seremos sempre um, feito de um orgulho infinito, de um amor que jamais terá um fim.

29
Out15

A menina dos teus olhos

Carolina Cruz

Caminho sob o olhar das estrelas, refletindo sobre o meu passado, deixo que um sorriso me escorregue pelos meus lábios, deixando-me dançar no tempo e no sossego de tudo aquilo que brilha em meu redor.
Sorrio de novo enquanto ouço aquela música que me traz memórias tuas. Passeio por mim, passando pelos outros e, sozinha sinto em mim, uma saudade e um orgulho de só a ti pertencer.
Não sei se aqueles que por mim passam, o sentem, pouco importa, aquilo vivo está ciente no meu "eu", não do que parece aos outros e, o que quero não é o que os outros querem, pois a menina dos teus olhos, meu amor, é uma mulher decidida que deseja o seu sonho e vive para o concretizar.

6.jpg

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Parcerias

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D