Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Gesto, Olhar e Sorriso

Palavras que têm vida.

14
Out16

Vida malvada

Carolina Cruz

15.jpg

 

Vida malvada encaro-te de cara lavada, de sorriso no rosto.
Pensas que me passas a perna mas eu vou ser mais forte e espero que com isto as minhas palavras se tornem em ações.
Costuma-se a dizer que aquilo que não nos mata torna-nos mais fortes, espero que ao te encarar eu cresça e perceba a não dar tanto de mim a quem não me merece, a pôr o coração de lado para não sofrer mais ainda do que aquilo que sei que sofro.
É a insatisfação em mim que me faz procurar todos os porquês, de todas as certezas que tenho de que não mereço o pouco que me dão.
Quero com isto fazer-me acreditar que algo ou alguém irá compensar-me por tudo o que falhou, por toda a indiferença.
Vida malvada sempre sabes como me ensinar mas eu pareço não entender tudo o que preciso de ver e tu fazes-me olhar com dor para todo o meu passado feliz que não valeu a pena, só apenas para mim.
Vida malvada dá-me uma razão para te encarar de frente, para ter uma oportunidade que seja para feliz, dizes que há uma razão para tudo, até para a indiferença?
No erro está o crescimento, na dor a realidade de que mais facadas virão para me dares e que seja com um sorriso que eu te viva, vida malvada.

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Parcerias

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D