Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Gesto, Olhar e Sorriso

Palavras que têm vida.

18
Set18

Poder te amar.

Carolina Cruz

41697968_531029280680579_8000245452094046208_n.jpg

 

Entro de mansinho no quarto, pé ante pé e sorrio, dormes como um anjo, não existe tristeza no teu rosto, no teu dormir e sonhar há a ingenuidade de uma criança.
Já não durmo há algumas horas, o meu corpo teima em acordar cedo mesmo sem ser preciso, mas volto à cama para te olhar demoradamente, para me aperceber que embora a vida me empurre contra a maré, tem uma magia diferente por te poder olhartodos os dias de forma inocente, com um beijo que nos faz sentir de novo infantis, arrepio-me, solto um riso baixinho de tão grande significado. 
"Bom dia", digo-te ao acordares! Permaneço aqui neste amor longo e desejo que todos os dias possam ser assim, com esta paixão de manhã à noite e ao acordar, porque o que me mantém sã é poder te amar.

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Parcerias

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D