Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Gesto, Olhar e Sorriso

Palavras que têm vida.

05
Mai18

[Séries] Everything sucks

Carolina Cruz

"Em 1996, numa cidade chamada Boring, um grupo de inadaptados dos clubes de audiovisual e teatro do liceu lidam com os altos e baixos da vida de adolescente na era do VHS."

13966.jpg

 

Malta da década de 90 (como o meu caso) não pode perder esta série original da Netflix! Porque embora não seja no nosso país, há muitas coisas que nos fazem recordar a infância na adolescência destes adolescentes de Boring. 
É uma série divertida, onde te podes preparar para te afeiçoar às personagens no primeiro momento, até mesmo aquelas mais rídiculas ou as socialmente menos favorecidas! Prepara-te igualmente para valentes gargalhadas e para recordares, com nostalgia, o vivenciar do primeiro amor! 
Com personagens reais, com problemas sociais, com felicidade vivida em cada poro ou desilusões intensificadas pelo exagero - "Everything sucks" prende-nos desde o primeiro episódio. 
É uma série de adolescentes, mas que pode ser assistida também pelos mais velhos, fazendo-os recordar igualmente essa altura da sua vida. 
A banda sonora é maravilhosa, brindando-nos com Oasis, Elton John, entre outras músicas que nos levam a dizer "Há séculos que não ouvia isto". 
É tão bom rir e recordar!
Se vivenciaste com intensidade os anos 90, não percas. 
Se não vivenciaste, aconselho na mesma, porque é uma série super divertida!

 

23
Set17

[Cinema] Capitão Fantástico

Carolina Cruz

334533_pt.jpg

 

Muito bem cotado pelo IMDB, “O capitão fantástico” é um filme genial, que envolve drama e comédia de uma forma bastante inteligente e interessante.
O filme retrata a história de uma família criada na floresta e que se vê obrigada a encarar o mundo real da civilização, o qual desconhece.
Ben decidiu criar os seis filhos com regras rígidas que incutem a sobrevivência e a força. Não vão à escola e é Ben quem lhes dá aulas.
Este pai faz-nos questionar muitos pontos errados da nossa educação, enquanto educadores, enquanto escola, sobre o consumismo e como preparamos os nossos para a vida. 
Eles estão bem preparados para sobreviverem, são forte e resilientes, mas estão eles preparados para encarar este mundo real? O que sabem eles sobre os sentimentos? A relação com os outros?
Até que ponto, este pai que quer o melhor para os seus filhos, está a fazer realmente o melhor? Por que razão o decidiu fazer? Não terá sido uma opção radical? Mudará o rumo das suas vidas?
Vejam e reflitam!
 
 
 
 

 

 
27
Mar17

[Cinema] Meet my valentine

Carolina Cruz

meet-my-valentine.jpg

 

“Meet my Valentine” é um filme que joga com o humor e o drama e que nos faz pensar: “o que faríamos ou sentiríamos se o nosso fim estivesse perto e nós soubéssemos disso?”.
Tom, um pintor e um homem atarefado, com uma mulher e uma filha maravilhosas e uma vida de sonho, descobre que tem um tumor cerebral irreversível e o seu primeiro pensamento é arranjar um sucessor, um pai para a sua filha, um homem para a sua mulher.
Conseguirá ele resistir a todas estas adversidades que o coração lhe traz? Quanto não custará entregar a sua vida a alguém em troco de uma garantia de proteção e amor aos seus após partir?
Nós podemos escolher o nosso destino, mas não podemos fazer ou querer criar o destino dos outros.
Tom conta os segundos, os minutos, e as incertezas de que amanhã será um novo dia ou o último, a intensidade com vive esses mesmos momentos é cada vez maior, entre lágrimas, gargalhadas e amor, este rapaz percebe que não está certo, que não é altura para partir, que não consegue ser forte o suficiente para terminar tudo…
Quanto tempo lhe resta? Que destino escolherá ele para a sua mulher? Ou para sua morte? Vejam, porque dá (muito) que pensar!

 

23
Fev17

[Cinema] Dois filmes sobre o amor.

Carolina Cruz

remember_sunday_xlg.jpg

 

Todas as mulheres que sofreram males de amor têm sempre o mesmo medo – sofrer de novo, mas será que os homens são realmente todos iguais? Que escondem segredos e terminam sempre da pior maneira?
Molly conhece Gus, um rapaz simpático e bonito, mas ele tem algo de misterioso, um segredo que esconde de tudo e de todos, em especial dela.
Ela percebe que ele é diferente de todos os outros, quando a sua paixão se torna numa relação de amor, com cumplicidade, mas ele nunca se lembra das coisas que prometeu ou que ela lhe disse.
Será que ele é apenas desastrado? Ou anda com outras mulheres e ela não é única na vida amorosa dele?
O segredo de uma relação é apaixonarmo-nos todos os dias pela mesma pessoa. Será que é isso que Gus faz todos os dias quando acorda de manhã?
“Remember Sunday” é um filme genuíno, bonito e que vos vai fazer rir à gargalhada!
Vejam nestes domingos de outono que aí vêm!

 

transferir.jpg

 

Costumo perguntar muitas vezes em textos que escrevo. E quem me lê regularmente já deve ter reparado nesse detalhe meu, que vai ao encontro da moral deste filme brilhante:
O que é mais importante? O amor ou a fama?
Ollie Trinke é um jovem bem-sucedido, o mais jovem publicitário que Manhattan tem memória.
No entanto, tudo muda quando a sua amada mulher morre ao ter a sua filha Gertie. Conseguiráeste homem recomeçar? Ser um bom pai?
Quando julgava que tudo tinha morrido, Ollie conta com a ajuda do pai e novos acontecimentos ocorrerão na sua vida e da sua filha, em que o amor poderá ser ou não a razão para continuar em frente.
Uma extraordinária história de amor, de amizade, companheirismo e superação. Quem vencerá? O amor ou a realização profissional?
Um filme para soltar gargalhadas com toda a família, puro, simples e realmente bonito!

 

05
Jan17

[Séries] Castle

Carolina Cruz

maxresdefault.jpg

 

Já não é novidade nenhuma que adoro a série "Castle", a questão talvez seja "porquê?"
A verdade é que o meu género de série favorito sempre foi crime, mas Castle tem ainda mais pontos fortes a seu favor para que eu a escolha.
Castle é escritor de livros de crime, mais um ponto a seu favor: a escrita que eu adoro!
Esta série é também romântica, nem todas as séries de crime o são, esta é maravilhosa nesse ponto.
E nesse ponto também engloba o suspense pois este amor é um amor ódio que vai dar muito que falar ao longo dos episódios, assim como cada caso que é desvendado traz consigo mistério.
No entanto, entre toda a desgraça Castle consegue ser um comediante nato, a sua juventude de eterna criança faz-nos soltar enormes gargalhadas.

Castle é sem dúvida a série que me faz agarrar ao ecrã e me faz fazer maratonas.
Eu que sempre me descrevi como pouco seguidora de séries, Castle é exceção, Castle roubou-me a atenção.

E vocês, gostam?

 

 

16
Nov16

[Cinema] Away & Back

Carolina Cruz

away-and-back-2015-tv-movie-poster.jpg

 

A natureza é uma canção encantadora, tem magia que só o ser humano de alma limpa pode ver e acreditar na sua beleza.
“Away & Back” (“A mudança das estações” em português) é, como dissemos ao vê-lo, um filme “zen”, um filme com uma paz incrível, com paisagens e sons maravilhosos.
Todos sabemos que o tempo tudo cura, no entanto nem sempre acreditamos, e para quem acredita e sonha os seus ideais são apenas mudanças, como as das estações, como a migração dos pássaros.
Um filme que conta a história da paixão de uma ornitologista com um agricultor viúvo com três filhos, um deles uma miúda com um espírito encantador, que nos mostra que se damos valor então temos de lutar de alma e coração e se o fizermos então a natureza sempre nos demonstra que o mais importante nem sempre vemos, porque as mais pequenas coisas da vida são as mais essenciais à nossa vida.

 Vejam para vos deixar tranquilos, pois a natureza é tão bonita, o homem é que a torna revoltante.

 

 

05
Nov16

[Cinema] Stuck in love

Carolina Cruz

p21.jpg

 

 

Um filme divertido e desconcertante, que nos fala sobre o amor e o perdão.
Com bons atores, estas histórias cruzadas de amor nos vários membros de uma família, mostra-nos que só acreditando e escrevendo o amor o podemos merecer e sentir, vivê-lo. É ele que nos move, que nos abraça na vida e ao invés nos faz morrer por dentro, mas ainda assim… ainda assim amar é um livro aberto, traz mil histórias escritas para não esquecer e só por isso já vale a pena.
Diverte-te com “Stuck in love"

 

23
Mar16

People like us

Carolina Cruz

26.jpg

Todo o ser humano, enquanto vive, é ferido. Pelas suas mudanças, pelas suas escolhas, pelas suas opções, pelo rumo que toma ou deixa que a vida tome.
Julgamos sempre errado os outros quando não sabemos o porquê ou quando não procuramos sequer saber e é quando tudo nos conta a verdade que lutamos a favor do que é nosso e nos pertence.
Na vida há uma razão para tudo, para algo não dar certo, para algo correr melhor ou pior, porque a verdade é que um dia conheceremos a razão que faltava saber, o porquê e o juízo final.
A família é algo que construímos, como queremos, sim. Mas, também algo que construímos com as nossas escolhas, talvez erradas, talvez não. Alguém um dia iria perceber o porquê do abandono, das duas diferentes realidades e por fim, do amor que os une.
Irmãos são sempre assim, podem desentender-se à vontade pois seu amor, escondido ou não, é infinito.
Com o filme, todos entenderemos, porque na verdade eles são pessoas como nós.

 

09
Mar16

Love, rosie

Carolina Cruz

 

Love Rosie Australian Poster.jpg“Love, Rosie” um filme apaixonante que te prende e não te desprende nem um segundo que seja. Sinceramente, já não me lembrava de assistir a um filme que chorasse e risse ao mesmo tempo, com vontade. 
Um filme todo ele especial, as personagens, a banda sonora, a simplicidade de mostrar que a vida é feita de momentos e que só um momento pode mudar tudo. Que as pessoas verdadeiras, se realmente o forem, jamais partirão da nossa vida, serão sempre essenciais, farão sempre parte do que somos, por mais voltas que ela dê e se a vida dá voltas! 
Mostra-nos também que a amizade é um amor que nunca morre e quem nos conhece melhor que ninguém será sempre a nossa outra metade.
Os sonhos existem para jamais serem quebrados e sim concretizados, que podem durar o tempo que durarem, mas o que é preciso não desistirmos, eles surgirão e nos tornarão as pessoas mais felizes do mundo!

Um filme que nos faz rir até chorar e chorar até rirmos de nós próprios.
Por favor, vejam, amem, sejam felizes, sorriem, a vida vale sempre a pena!

 

 

08
Dez15

* Filmes com história: 3 comédias românticas para o feriado

Carolina Cruz

27.jpg

 

A lot like love

Quando o amor bate à porta por mais que tentemos fugir, ele é parte de nós, da nossa história e então se se trata de algo verdadeiro permanece uma vida que nem a distância separa.
Bastou um segundo para as suas vidas se cruzarem, demorou-se anos a compor o sentimento que não se esqueceu, a descobrir quem afinal deu o primeiro passo.
Quando amamos arriscamos ser crianças o resto da vida e brincamos em jeito de sonhar.
Quando alimentamos esse sonho de amar com sentido perdura uma vida inteira.

 

JUNO

65.jpg

 "Juno" é uma história divertida que relata, na verdade, assuntos bastante sérios, como a gravidez na adolescência, com todos os sentimentos e acontecimentos bons e maus, que acarreta consigo.
Juno com a sua irreverência prova que nem todas as histórias começam ou terminam com um final feliz ou como era suposto, ela mesma tem a prova disso. 
Uma história divertida, apaixonante que nos aproxima do início ao fim, sob as estranhas formas de amar e como o amor, sua concepção e conceito, variam de pessoa de pessoa para pessoa.

Vale a pena assistir a este filme brilhante, que nos faz rir ao mesmo tempo que nos poderá fazer chorar!

 

 

A Case of you

"A cause of you" é uma comédia romântica que nos mostra que o verdadeiro divert70.jpgimento é sermos nós próprios sem máscaras ou encenações.
A história amorosa deste filme é incomum, pois Sam conhece Berdie, a menina dos seus olhos, mas como ele se acha um verdadeiro desastre com o sexo feminino, cria um novo ele, que não ele, mas sim baseado nos gosto de Berdie.
É aí que as nossas gargalhadas começam, quando ele tenta ser bom naquilo que não é, suportando por amor o que nunca faria na vida.
Tudo isto para perceber que ela o ama como ele é, sem rodeios, porque o amor nos faz iguais, sem precisarmos sê-lo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Bom feriado! 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Parcerias

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D