Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Gesto, Olhar e Sorriso

Palavras que têm vida.

08
Mai17

[Cinema] When in Rome

Carolina Cruz

when_in_rome_ver3.png

 

“When in Rome” é uma comédia romântica, um filme ótimo para gargalhar e sonhar num domingo chuvoso ou em família.
Será que o amor não passa de um feitiço ou afinal pode ser real e viver para sempre?
Beth não acredita no amor, apenas no seu trabalho, onde centra todas as suas atenções, pois todas as relações amorosas do seu passado foram um verdadeiro falhanço.
Tudo muda quando a sua irmã decide casar em Roma. Beth que desiludida mais uma vez com a sua pouca sorte, rouba moedas da fonte dos amores, o que faz com que um feitiço seja lançado aos homens que lançaram essas mesmas moedas à fonte. E que feitiço é esse? O amor?
O que Beth não imagina é que o homem por quem se irá apaixonar também atirou uma moeda a essa fonte. Será que o amor que Nick nutre por ela é real ou feitiço?
Só vendo o filme encontrarão todas as respostas e encontrarão também milhares de motivos para rir à gargalhada e para os mais sonhadores, quem sabe, uma razão para suspirar!
Juntem a família e vejam!

 

 

03
Fev17

[Cinema] para ver com a família

Carolina Cruz

the-peanuts-movie-share.jpg

 

 

Um filme para toda a família. Os mais velhos vão adorar recordar os desenhos animados que marcaram um pouco da sua infância e os mais novos vão adorar tanto quanto os adultos adoraram na altura em que tinham aquela idade.
Charlie Brown, está provado, é um boneco intemporal e deliciosamente espetacular e original, assim como a história deste filme tão divertido.
Neste filme Charlie Brown apaixona-se pela nova vizinha, bonita e inteligente. Durante a história acontecem milhares de acontecimentos complicados para este menino apaixonado, mas tudo muda quando é considerado o génio da escola.
O Charlie Brown? Génio da escola?
É um filme doce que nos mostra que não precisamos de ser como os outros querem que sejam, ou iguais aos outros, porque seres tu próprio é algo especial.
Vão adorar! Vejam!

il_570xN.981509390_ghw8.jpg

 

 

 

 

 

Dos criadores de "Minions", nasce uma história divertida sobre a "vida secreta dos nossos bichos". 

Afinal o que fazem eles quando saímos de casa?
Um filme com um design espetacular, com personagens que são uma verdadeira perdição, bichos que nos fazem rir à gargalhada e para os mais sensíveis chegam mesmo a emocionar-nos.
Um bom filme para mostrar aos mais pequenos a importância que os animais têm, para mostrar que estes têm sentimentos e que nos amam muito, o problema é que muitos humanos não sabem retribuir esse amor, tão puro e tão bom. Facto esse, que também é discutido nesta história.
Além de tudo isto, demonstra também que a união faz a força e que com amigos tudo se torna mais fácil de superar.
Uma forma animada de ensinar e aprender aspetos e atitudes positivas sobre a vida dos bichos que nos rodeiam e da nossa atenção para com eles!
Ainda não viram? Do que estão à espera?

19871319.jpg-r_1280_720-f_jpg-q_x-xxyxx.jpg

 

 

"De repente já nos trinta" é um dos filmes ideais para juntar toda a família num domingo à tarde! E porquê? Porque toca todas as idades. De forma simples e divertida, fala-nos sobre coisas fundamentais na educação de todos nós: o amor, a amizade, o respeito e a humildade.
A história é sobre uma adolescente que sonha ser no futuro uma mulher bem sucedida.
O que ela não imaginava é que ao viajar no tempo, essa mulher tão bem sucedida em que se tornaria não tinha valores importantes da sua educação, o seu sucesso era tudo pelo facto de ser uma pessoa sem escrupulos.
Nessa mesmo viagem no tempo ela tenta mudar tudo o que lhe parece mal, mas será que é tarde demais?
Muitas vezes não entendemos ou não queremos entender que o melhor sucesso que temos são os verdadeiros amigos, a nossa família e o amor que nos envolve.
É a mensagem deste filme que encanta os mais novos e também serve para os mais velhos!

 

05
Nov16

[Cinema] Stuck in love

Carolina Cruz

p21.jpg

 

 

Um filme divertido e desconcertante, que nos fala sobre o amor e o perdão.
Com bons atores, estas histórias cruzadas de amor nos vários membros de uma família, mostra-nos que só acreditando e escrevendo o amor o podemos merecer e sentir, vivê-lo. É ele que nos move, que nos abraça na vida e ao invés nos faz morrer por dentro, mas ainda assim… ainda assim amar é um livro aberto, traz mil histórias escritas para não esquecer e só por isso já vale a pena.
Diverte-te com “Stuck in love"

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Parcerias

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D