Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Gesto, Olhar e Sorriso

Palavras que têm vida.

31
Mai19

[Resenha Literária] "Palavras de uma alma errante" de Vanessa Lourenço

Carolina Cruz

54432521_2088793707855900_5008425745425367040_n.jp

 

Um livro simples com pequenos ensinamentos que têm tanto significado.
Quem convive diariamente com um gato sabe que eles nos lêem a alma e que sabem sempre o que dizer mesmo sem palavras humanas! Os seus gestos, a sua presença constante mesmo quando lhes está no sangue a liberdade e independência, diz-nos que os gatos podem ser, sem dúvida alguma, o nosso melhor amigo.
Uma colectânea de textos e fábulas fabulosas que nos deixam a pensar. Porque como diz a letra de "Arrufo" interpretada recentemente por António Zambujo - "Quem compreende um gato, compreende o universo"!
Adorei! 

06
Mai17

[Resenha Literária] A rapariga que roubava livros

Carolina Cruz

17991873_696441643896397_3700846502639507812_n.jpg

 

O ser humano, esse ser, pior que qualquer irracional. O Homem, o único, que mata por prazer. Guerras, mortes inocentes e um imperialismo que conta a história que Hitler escreveu. Triste, repugnante, horrorosa. Muitos mais adjetivos podiam descrever o holocausto, mas por mais anos que passem, é impossível.
"A rapariga que roubava livros" é um livro que narra a história de quem viveu nessa época.
Esta trama é narrada por alguém que teve grande destaque na 2° guerra mundial, sobretudo entre os judeus - a morte.
Ela conta a história de Liesel, uma menina a quem roubaram a esperança e que ainda assim nunca deixou de sonhar. Agarrou-se às palavras, aos livros e aos que mais amava e o mundo, ainda que cinzento, tornara-se cor-de-rosa.
A ânsia de roubar um livro era tão forte que cada dia se tornava numa aventura, ao lado do seu amigo Rudy.
Uma história de ficção envolvendo a história mundial, sobre a inocência, o amor, o afeto, a lealdade e a esperança num mundo onde a morte e a crueldade entram a cada instante.

03
Jan17

Carta ao namorado da minha melhor amiga.

Carolina Cruz

Por favor.jpg

(Fotografia do filme "viver depois de ti")

 

Por favor.
Não me interpretes mal, peço-te. Não quero ser eu a má da fita por parecer ciumenta e parecer que a quero só para mim. Nem por isso, não tenho nada contra ti, a não ser que lhe partas o coração.
Por favor, peço-te. Não o faças. Ela é a minha melhor amiga, a melhor de todas, merece o mundo, o melhor. Por favor, não a magoes, e se um dia o fizeres porque aconteceu simplesmente e não resultou, porque apenas não era para ser, mostra-lhe que estás disposto a ser o melhor amigo que alguém pode ter.
Não a traias, trairás também quem te rodeia, acredita. Vais arrepender-te de a perderes por algo tão mesquinho, vais perceber que ela é o melhor que tens, não procures errar ou perder, para o perceber.
Não a mudes, não o queiras fazer, jamais, por favor, ela tem defeitos, e ela sabe defini-los na perfeição, não queiras que ela deixe de os conhecer e conhece-los tu, ama-os. Os seus defeitos são também parte dela, tanto quanto as virtudes. Cuida deles, tanto quanto dela.
Não me leves a mal, mas a bem, só quero avisar-te de que tens o melhor, não o percas.
Cuida, preserva-a, não encontrarás como ela, ama, com todo o coração.
Obrigada.

 

 

  

04
Out16

Em busca da felicidade.

Carolina Cruz

12.jpg

 

Há um caminho que nos leva longe, precisamos de encontra-lo, de segui-lo.
Não importa quanto tenhamos de sofrer para aprender o que significa ser leal ou realista com quem nos rodeia.
O vento dá-nos a dádiva do prazer e a forma de pensar é o segredo de como percorrer esse caminho, cada um saberá por si encará-lo, todos somos diferentes, o caminho não é o mesmo para todos, apenas cada um segue o que acha mais fiável.
Não importa se erremos, pois iremos fazê-lo tantas e tantas vezes e é nessas mesmas vezes que tudo se alinha e faz sentido, pois todos os caminhos completam a vida, existem em busca da felicidade.

15
Mar16

Hatchiko

Carolina Cruz

transferir.jpg

 

Hatchi é a prova que a lealdade e a amizade não têm raça, nem preço, não olha ao supérfluo nem à beleza exterior.
Amigo é aquele que nos espera mesmo depois de partirmos, que nos corrige e que nos incentiva a aprender, também ensinando que os mais belos sentimentos não têm hora, mas que os minutos são tudo quando amamos alguém.
Amar alguém significar isso mesmo, ser leal, esperar que o tempo consolide e nos faça ser alguém com alguém para sempre.
Quem disse que os animais não têm sentimentos? Que são irracionais? Irracionais são aqueles que não sabem amar realmente, olhando cada pessoa como alguém especial, respeitando-a, que não sabem olhar o mundo com olhos de amor.

Uma verdadeira obra-prima, baseada numa verídica história de ternura. 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Parcerias

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D