Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Gesto, Olhar e Sorriso

Palavras que têm vida.

20
Out18

Viver este amor

Carolina Cruz

39386259_514441702339337_6272131082414456832_n.jpg

 

Olho nos teus olhos e sei que ninguém pode duvidar deste amor. 
Os teus olhos brilham como esmeraldas, reluzem, refletindo nos meus uma imensidão de certeza. 
Amo-te, amo-te tanto, que não me apetece dizê-lo a ninguém, apetece-me guardar este sentimento só para mim, assim ninguém o estraga, ninguém o reduz. 
Ao mesmo tempo apetece-me gritar ao mundo que sou de alguém, que ao teu coração pertenço! 
Não é tão contraditório o amor?
É, mas é menos complicado do que nós tendemos a julgá-lo. 
O amor está na mais simples das ações: olhar-te, sorrir, agradecer. 
E eu sou grata por olhar-te todos os dias e poder viver este amor

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Parcerias

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D